oklima em verso e prosa
Contos e Versos
CapaCapa TextosTextos ÁudiosÁudios E-booksE-books FotosFotos PerfilPerfil Livros à VendaLivros à Venda Livro de VisitasLivro de Visitas ContatoContato
Textos

2430490136-.jpg
(Imagem do Google)



ENTRISTECIDO E SÓ
Odir Milanez
 
 
O vazio nasceu da noite insone.
A ausência de vida me apavora.
Um sorriso sumiu do telefone.
Desejaria ouvi-lo nessa hora...
 
Quem sabe, a fúria louca de um ciclone
as palavras de amor levou embora?
Temo o silêncio – que de mim se adone
e me faça ser nada, como agora.
 
Aos deuses do Parnaso peço ajuda.
A minha musa imploro o som de um beijo,
mas a sorte me assiste, surda e muda.
 
Entristecido e só, eis que me vejo,
vivenciando a fase mais aguda
desse tanto de amor que lhe desejo!
 

JPessoa/PB
14.02.2016
oklima

 
 

Sou somente um escriba
que ouve a voz do vento
e a versa em versos de amor...
 

odirmilanez.blogspot.com

Para ouvir a música, acesse:

http://www.oklima.net
 
 
 


 
oklima
Enviado por oklima em 14/02/2016

Música: Je T' Aime - J. Birkin - S. Gains

Copyright © 2016. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.


Comentários